Carioca e Mineiro ao mesmo tempo. Rodrigo Mathias, nasceu no Rio de Janeiro, mas  aos 5 anos de idade, foi morar na pequena cidade de São Lourenço, no interior de Minas Gerais. Por isso mesmo se considera mais mineiro do que carioca. Guarda consigo toda a tranquilidade e paz de espírito de quem cresceu em um ambiente bucólico e fértil para sua imaginação.

Aos 18 anos, assistindo a “Malhação”, despertou o desejo de ser ator. Aí tudo começou a mudar em sua vida. “Vim para o Rio, sem nem saber direito se era mesmo o que eu queria”, recorda Rodrigo, que, em suas primeiras incursões na TV, fez figuração em “Cobras & Lagartos” (2006). “Eu mexia nos cenários para ver se eram de verdade. Era uma sensação de estar na Disney, um mundo encantado”, diz, aos risos.

Obstinado a seguir sua paixão, ele procurou a Escola de Teatro Retiro dos Artistas, em 2008, já extinta, onde fez cursos de interpretação. Mas não conseguiu se manter na cidade e precisou retornar a Minas. Arrumou um trabalho como representante comercial de uma importante empresa alimentícia. E não é que até lá Rodrigo buscava seus dons artísticos? “Eu fazia um personagem enquanto me vestia de vendedor”, conta. Aos 27 anos, largou de novo a vida pacata para se aventurar pela segunda vez no Rio. “Ou eu saía daquele mundinho ou criava raiz de vez. Eu ganhava bem, mas não era feliz”, afirma.

De volta à cidade, matriculou-se na Escola Wolf Maya, do prestigiado diretor de TV e, após um teste, conquistou seu primeiro papel em uma novela: o competente segurança Murilo, da novela “Pega Pega”, TV Globo. “É um sonho se realizando”. No teatro, entre peças de Nelson Rodrigues e Shakespeare, Rodrigo destaca uma das mais recentes, “Romeu e Julieta”, na qual interpretou Lady Capuleto, mãe da protagonista. “É quando saí da zona de conforto”, conta o ator.

Sobre a infância, Rodrigo confessa que dormia na aula de exatas. “Eu não me pegava às lições. Ia com preguiça para a escola. A não ser que fosse lição de história, aí eu viajava”, diverte-se. Dizendo-se fã de filmes policiais, suas referências na carreira são: Al Pacino, Robert de Niro e Wagner Moura. Mesmo agora que começa a conquistar seu espaço, Rodrigo não perde suas origens. “Bate saudade da minha cidadezinha. Lá o dia rende mais. Aqui é difícil da gente parar e olhar o céu”, analisa ele, acrescentando que, entre seus desejos, está conhecer o sul da Itália. Já imaginando o lindo céu que também tem por lá...

Entre em Contato

Rodrigo Mathias

Currículo

FORMAÇÃO ARTÍSTICA

2014 à  2017 – Escola de Atores Wolf Maya

2015 - Oficina de Atores / TV Globo (Diretor: Eduardo Milewicz)

2007 à 2008 – Escola de Teatro Retiro dos Artistas

IDIOMAS

Português
Inglês

HABILIDADES

Dança

Futebol

Judô

Jiu-Jitsu

Vôlei

Natação

Hipismo

TELEVISÃO

2017- PEGA PEGA

Autor: Claudia Soutto
Diretor: Luis Henrique Rios
Personagem: Murilo

2017- NOVO MUNDO – TV GLOBO

Autor: Alessandro Marson e Thereza Falcão
Diretor: Vinicius Coimbra
Personagem: Oficial de Marinha

2016 – ROCK STORY – TV GLOBO

Autor: Maria Helena Nascimento
Diretor: Maria de Médicis
Personagem: Garçom

2015 – TOTALMENTE DEMAIS – TV GLOBO

Autor: Paulo Halm/ Rosane Svartman
Diretor: Luis Henrique Rios
Personagem: Segurança

TEATRO

2017 – OS MAMUTES

Teatro de Nova Jerusalém – Pernambuco.
Autor: Jô Bilac
Diretor: Alexandre Mello
Personagem: Homem 1

2017 – ROMEU & JULIETA

Autor: Shakespeare
Diretor: Tierry Trémoroux
Personagem: Lady Capuleto

2016 – O INCRIVEL SEGREDO DA MULHER MACACO

Autor: Saulo Sisnando
Diretor: Wendell Bendeleck e Rodrigo Fagundes
Personagem: Sr.Lockwood

2016 - OS FIGURANTES

Autor: Sanchez Sinisterra
Diretor: Alexandre Mello
Personagem: Oficial de Justiça

2015 - ESPERANDO GODOT

Diretor: Alexandre Mello
Personagem: Estragon

2015 – JARDIM DAS CEREJEIRAS

Diretor: Delson Antunes
Personagem: Gaiev



CINEMA

2017 - CHICAS PARANÓICAS

Diretor: Wolf Maya
Personagem: André
Longa Metragem